Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Governo quer cortar dívida dos hospitais a fornecedores em 262 milhões até Dezembro

O ministro da Saúde quer chegar ao final do ano com a dívida a fornecedores pelo menos ao nível do final de 2015. Em Agosto, os pagamentos em atraso revelaram um aumento de 52% em relação ao mesmo mês do ano anterior.

Miguel Baltazar
Marta Moitinho Oliveira martaoliveira@negocios.pt 28 de Setembro de 2016 às 00:01
  • Assine já 1€/1 mês
  • 6
  • ...
As dívidas a fornecedores dos hospitais-empresa atingiram em Agosto 713 milhões de euros, o que representa um agravamento dos pagamentos em atraso no sector da saúde. O ministro da Saúde quer reduzir as dívidas em pelo menos 262 milhões de euros.

Os dados da Direcção-Geral do Orçamento conhecidos na segunda-feira não deixam margem para dúvidas sobre a evolução dos pagamentos em atraso. Em Agosto,...
Negócios Premium
Conteúdo exclusivo para assinantes
Já é assinante? Inicie a sessão
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone
  • Conteúdos exclusivos com melhor da informação económica nacional e internacional;
  • Acesso sem limites, até três dispositivos diferentes, a todos os conteúdos do site e app Negócios, sem publicidade intrusiva;
  • Newsletters exclusivas;
  • Versão ePaper, do jornal no dia anterior;
  • Acesso privilegiado a eventos do Negócios;
Ver comentários
Saber mais Saúde Dívidas fornecedores Adalberto Campos Fernandes António Leitão Amaro
Mais notícias Negócios Premium
+ Negócios Premium
Capa do Jornal
Informação de qualidade tem valor. Invista. Assine já 1mês / 1€
Mais lidas
Outras Notícias