Empresas Lucros e proveitos da José de Mello Saúde sobem no primeiro semestre

Lucros e proveitos da José de Mello Saúde sobem no primeiro semestre

A generalidade das unidades da José de Mello Saúde registou crescimentos na actividade dos primeiros seis meses do ano face ao período homólogo de 2015. Os lucros subiram 1,1% e os proveitos operacionais aumentaram 7,6%.
Lucros e proveitos da José de Mello Saúde sobem no primeiro semestre
Bruno Simão/Negócios
Carla Pedro 31 de agosto de 2016 às 19:22

A José de Mello Saúde reportou, no primeiro semestre de 2016, um resultado líquido atribuível aos detentores de capital de 12,7 milhões de euros, o que correspondeu a um aumento de 1,1% face ao mesmo período do ano passado.

 

Entre Janeiro e Junho, a generalidade das unidades da José de Mello Saúde apresentou crescimentos na sua actividade face ao período homólogo, o que teve um impacto positivo nos proveitos operacionais consolidados do grupo, que ascenderam a 298,2 milhões de euros, representando um crescimento de 7,6% face ao período homólogo, refere a empresa no seu relatório e contas divulgado na Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

 

A actividade nos hospitais privados cresceu 8,8% e no segmento de cuidados de saúde públicos cresceu 5,1%.

 

O EBITDA  (resultados antes de juros, impostos, depreciações e amortizações), por seu lado, atingiu os 40,3 milhões de euros, um aumento de 11,9% em relação ao período homólogo. Já a margem EBITDA foi de 13,5%, o que se traduziu num acréscimo de 0,5 pontos percentuais face ao primeiro semestre de 2015.

 

"Esta evolução positiva resulta do crescimento generalizado da actividade conjugado com as melhorias alcançadas em termos de eficiência da operação", sublinha o comunicado do grupo.

 

Relativamente aos factos relevantes da sua actividade, o grupo destaca que o primeiro semestre de 2016 ficou marcado pela abertura do Hospital CUF Viseu". 

Dois outros marcos do semestre dizem respeito ao início das obras de construção do futuro Hospital CUF Tejo, concebido para ser uma referência nacional para patologias complexas como as neurociências e cardiovasculares, e da expansão do Hospital CUF Descobertas, que dotará a unidade de uma maior capacidade de internamento e ambulatório", salienta.




pub

Marketing Automation certified by E-GOI