Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Marcelo quer ver de perto "evolução dos acontecimentos" nas urgências dos hospitais

Perante a "pressão que existe sobre as urgências dos hospitais" e o crescimento das "dificuldades de resposta" em muitos dos hospitais por todo o país, o Presidente da República disse querer ir ao terreno ver o que está a acontecer.

Marcelo Rebelo de Sousa, Presidente da República
Lusa 07 de Dezembro de 2022 às 21:21
O Presidente da República manifestou hoje a intenção de visitar em breve os serviços de urgência dos hospitais para observar "a evolução dos acontecimentos" num momento que têm sido registados cada vez mais constrangimentos no país.

"Tenciono, nos próximos dias e próximas semanas, ir ver nos locais, desde que isso não prejudique os serviços de saúde, a evolução dos acontecimentos", antecipou, afirmando que irá partilhar, "dentro de dez dias a duas semanas", as conclusões do que vier a observar.

Em declarações aos jornalistas em Abrantes (Santarém), à margem de uma visita ao Museu de Arqueologia e Arte, Marcelo Rebelo de Sousa disse que tem "acompanhado" o evoluir da situação, considerando que este é "sempre, todos os anos, um tempo muito difícil" para os serviços de urgência pela aproximação do inverno, "e este ano com três surtos ao mesmo tempo: a gripe clássica, um novo tipo de vírus e o vírus covid-19".

Perante a "pressão que existe sobre as urgências dos hospitais" e o crescimento das "dificuldades de resposta" em muitos dos hospitais por todo o país, o Presidente da República disse querer ir ao terreno ver o que está a acontecer.

O chefe de Estado deixou ainda um agradecimento aos profissionais de saúde pela "capacidade de resposta, em cima de tanto trabalho nos últimos anos, que têm mostrado num momento difícil".
Ver comentários
Saber mais Marcelo Rebelo de Sousa política saúde
Outras Notícias
Publicidade
C•Studio