Elevador Elevador 24 julho de 2019
Celso Filipe 24 de julho de 2019 às 00:01
Boris Johnson

Por muitos juízos de valores que se façam, todos eles legítimos, permanece o facto. Irrefutável. Boris Johnson ganhou por larga margem as eleições no Partido Conservador e, por esta via, torna-se no novo primeiro-ministro do Reino Unido. Ou seja, a maioria dos votantes legitimou a sua estratégia agressiva de saída da União Europeia, com ou sem acordo. Agora, o grande desafio do sucessor de May é materializar a promessa de concretizar o Brexit até dia 31 de outubro.

Pedro Sánchez

É certo que a abstenção do Podemos abre uma janela de esperança, mas neste primeiro o líder do PSOE perdeu, falhando a sua investidura como primeiro-ministro espanhol. Esta atitude do Podemos é vista como um gesto destinado a "facilitar as negociações" entre os dois partidos, mas Pedro Sánchez vai ter que atravessar um caminho de pedras para chegar ao destino. Retrato de uma Espanha na qual interesses cruzados dificultam o entendimento político.




Marketing Automation certified by E-GOI