Vinho Espinhosos de Baião conquista japonesas

Espinhosos de Baião conquista japonesas

O Espinhosos 2014, vinho verde produzido em Baião, ganhou o prémio máximo de um concurso em Tóquio cujo painel era composto exclusivamente por mulheres.
Espinhosos de Baião conquista japonesas
Rui Neves 08 de março de 2016 às 13:25

A A&D Wines (www.andwines.pt), produtora de vinhos verdes de Baião, tem boas razões para celebrar o Dia internacional da Mulher, que se celebra esta terça-feira, 8 de Março: em Tóquio, capital do Japão, é hoje divulgado, durante a Foodex Japan 2016, maior feira asiática do sector da alimentação, que o seu Espinhosos 2014 ganhou o Troféu Diamante.

Trata-se do prémio máximo atribuído pelo Sakura Japan Women´s Wine Awards 2016, concurso recentemente realizado e que ostenta a particularidade de ter um painel de jurados composto exclusivamente por mulheres. O Espinhosos 2014 não só ganhou a medalha "Duplo Ouro", como conquistou o Troféu Diamante, tendo sido o único branco português a figurar na lista dos vencedores deste galardão.

De entre um total de 3.500 vinhos de 35 países que estiveram em prova, a A&D Wines viu ainda um outro vinho do seu portafólio, o Casa do Arrabalde 2014, ser reconhecido com a medalha de ouro, adianta a empresa, em comunicado.

A terceira edição dos prémios Sakura tinha como júri especialistas de vinho do sexo feminino, entre "sommeliers", "chefs", jornalistas de vinho e compradoras.

O Japão é um dos mercados-alvo para a A&D Wines, que exporta 90% da sua produção. A Bélgica e o Canadá representaram cerca de dois terços das vendas ao exterior, no ano passado, para uma facturação global que rondou os 180 mil euros. Vende ainda para a Suíça Alemanha, Inglaterra, Brasil e Suécia.

Detida pelo casal Dialina e Alexandre Gomes (na foto), a A&D Wines detém três quintas em Baião, totalizando 45 hectares de área de vinha – a Casa do Arrabalde, a Quinta dos Espinhosos e a Quinta de Santa Teresa, adquirida recentemente e onde a empresa está a investir sete milhões de euros.




pub