Automóvel Autoeuropa vai prolongar uso da base aérea do Montijo

Autoeuropa vai prolongar uso da base aérea do Montijo

A Autoeuropa vai prolongar o acordo com a Força Aérea para utilização da base aérea do Montijo para parquear veículos. A paralisação dos estivadores do porto de Setúbal leva a que a fábrica de Palmela tenha mais de 12 mil veículos à espera de serem expedidos.
Autoeuropa vai prolongar uso da base aérea do Montijo
Luís Viegas
Pedro Curvelo 20 de novembro de 2018 às 21:40

A Autoeuropa vai prolongar o acordo com a Força Aérea Portuguesa para a utilização de parte da Base Aérea N.º 6, no Montijo, para armazenar automóveis produzidos na fábrica de Palmela, indicou esta terça-feira ao Negócios fonte oficial da fábrica da Volkswagen.

A empresa não revela qual será o novo prazo, referindo que ainda será necessário assinar uma adenda ao acordo original, que previa a utilização da base do Montijo até ao final de Novembro.

O protocolo com a Força Aérea foi estabelecido em Agosto e teve como motivo o atraso na homologação dos veículos de acordo com as normas do novo regulamento de emissões poluentes, o WLTP (World Wide Harmonized Light Vehicle Test Procedure).

Agora, indica fonte oficial da Autoeuropa, a necessidade de estender o protocolo resulta da paralisação dos estivadores no porto de Setúbal, iniciada a 5 de Novembro, que já levou a que a Autoeuropa tenha, a esta data, "mais de 12 mil veículos a aguardar expedição".

Contactada pelo Negócios, a Força Aérea remeteu qualquer esclarecimento para a Autoeuropa.

A empresa continua a escoar parte da produção recorrendo aos portos espanhóis de Vigo e Santander, bem como ao porto de Leixões. No entanto, por esta via apenas são expedidas "algumas centenas de veículos".

A fábrica continua a manter o ritmo de produção, em cerca de 885 veículos diários.

Nos primeiros 10 meses do ano, a Autoeuropa produziu quase 185 mil veículos, estando a 55 mil da meta de "cerca de 240 mil viaturas" avançada pela empresa no início do ano.




pub

Marketing Automation certified by E-GOI