Automóvel Primeiro Ferrari elétrico só depois de 2025

Primeiro Ferrari elétrico só depois de 2025

O primeiro veículo totalmente elétrico da Ferrari não deverá ser produzido antes de 2025. A marca italiana considera que a tecnologia ainda não está "no ponto".
Primeiro Ferrari elétrico só depois de 2025
Pedro Curvelo 12 de dezembro de 2019 às 19:03

A Ferrari lançou este ano o SF 90 Stradale, o seu primeiro híbrido Plug-in, mas o primeiro bólide da mítica marca italiana totalmente elétrico não deverá ser produzido antes de 2025, disse esta quinta-feira o CEO da empresa, Louis Camilleri, num encontro com jornalistas.

O responsável considera que a tecnologia das baterias elétricas ainda necessita de mais desenvolvimento até que possa ser considerada uma opção para a Ferrari.

Anteriormente, a marca do "Cavallino Rampante" tinha indicado que o seu primeiro veículo elétrico, que iria rivalizar com a Tesla, chegaria ao Mercado após o atual plano de produção, que termina em 2022. Isso levou alguns analistas a apontarem para 2023 a chegada do primeiro Ferrari 100% elétrico.

Agora, falando aos jornalistas na fábrica da Ferrari em Maranello, Louis Camilleri defendeu que "ainda há problemas significativos em termos de autonomia e de velocidade de carregamento". "Eventualmente iremos produzir um Ferrari elétrico, mas só após 2025, não no curto prazo", disse.

Até lá, acrescentou, a marca vai continuar a aposta nos híbridos "no futuro mais próximo". A Ferrari pretende que os híbridos representem 60% das suas vendas já em 2022.




pub

Marketing Automation certified by E-GOI