Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Produção automóvel em Portugal abranda quebra para 20% em junho

No conjunto dos primeiros seis meses deste ano, a produção de carros em Portugal diminuiu 36,2%.

Rita Faria afaria@negocios.pt 14 de Julho de 2020 às 16:17
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

A produção automóvel em Portugal voltou a registar uma forte descida no mês de junho, ainda que menos acentuada do que as quebras registadas nos dois meses anteriores, marcados pelo encerramento de muitas fábricas.

No entanto, a Autoeuropa, maior fábrica do país, continuou a não laborar ao fim-de-semana em junho, o que explica a queda mais acentuada na produção de ligeiros de passageiros, que recuou 22,4% face a junho do ano passado.

De acordo com os dados da ACAP, divulgados esta terça-feira, 14 de julho, a produção de automóveis no país desceu 20% em junho face ao mesmo mês do ano passado, depois dos decréscimos de 50,6%, em maio, e de 95,7%, em abril.

No mês passado, foram produzidos, em Portugal, 22.943 veículos automóveis ligeiros e pesados, muito acima das 15.965 unidades produzidas em maio.

Este número eleva para 117.350 o número total de carros fabricados nos primeiros seis meses deste ano, o que corresponde a uma diminuição de 36,2% face ao primeiro semestre de 2019.

 

Segundo a ACAP, a informação relativa ao primeiro semestre de 2020 "confirma a importância que as exportações representam para o setor automóvel já que 98% dos veículos fabricados em Portugal têm como destino o mercado externo, o que, sublinhe-se, contribui de forma significativa para a balança comercial portuguesa".

 

Neste período, a Europa continuou a ser o mercado líder nas exportações dos veículos fabricados em território nacional – com 96,7% – com a Alemanha (22,7%), França (16,2%), Itália (12,6%), Espanha (11,7%) e Reino Unido (8,7%) no topo do ranking.

Ver comentários
Saber mais carros ACAP
Mais lidas
Outras Notícias