Banca & Finanças Abanca aumenta lucro para 402 milhões de euros até setembro

Abanca aumenta lucro para 402 milhões de euros até setembro

Nos primeiros nove meses do ano o volume de negócios do banco aumentou 22,6% para 85 mil milhões de euros. A base de clientes situava-se em 2,3 milhões no final de setembro.
Abanca aumenta lucro para 402 milhões de euros até setembro
DR
Negócios 29 de outubro de 2019 às 11:37

O Abanca fechou os primeiros nove meses com um resultado líquido de 401,9 milhões de euros, um valor que traduz uma subida de 0,9% face ao período homólogo. No final de setembro o rácio de rentabilidade dos capitais próprios (ROE, na sigla inglesa) era de 11,5%, um valor que "continua a situar o Abanca entre as entidades mais rentáveis do setor financeiro espanhol", refere a entidade financeira em comunicado enviado às redações.

O volume de negócios aumentou 22,6% para 85 mil milhões de euros com a consolidação do Banco Caixa Geral e as receitas recorrentes seguiram a mesma trajetória tendo subido 6,9% para 571,3 milhões de euros.

No período em análise o Abanca conseguiu captar mais de 80 mil novos, contando no final de setembro com uma base de clientes de 2,3 milhões.

No mesmo comunicado o banco destaca "o crescimento do negócio com pequenas médias empresa  (+6,8%), um dos eixos prioritários da estratégia do banco". "Outros segmentos especializados, como os seguros e o crédito ao consumo, também registaram importantes crescimentos dos ritmos de produção (+7,4 e +21,8%, respetivamente)", detalha a entidade.

Além disso, o crédito "aumentou 23,5% atingindo os 35.784 milhões de euros. Descontando o negócio do Abanca em Portugal, e o crescimento que aporta o Banco Caixa Geral, o crédito cresceu 4,5%".

Já o crédito malparado diminuiu 7,3% para 1.260 milhões de euros em termos anuais. Excluindo os movimentos do negócio em Portugal e a integração do Banco Caixa Geral teria encolhido 23,6%.




Saber mais e Alertas
pub

Marketing Automation certified by E-GOI