Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Banca lucra sem ajuda de efeitos extraordinários

A Caixa Geral de Depósitos, BCP e Santander Totta aumentaram os lucros no início do ano. E sem apoio de impactos extraordinários. Ainda assim, esta melhoria não foi suficiente para contrariar a quebra dos resultados do BPI e prejuízos do Novo Banco.

Margem financeira sobe ligeiramente

Margem financeira sobe ligeiramente
A margem financeira dos principais bancos nacionais melhorou no primeiro trimestre, mas muito ligeiramente. O indicador subiu 1% em comparação com o mesmo período do ano passado. Nos primeiros três meses do ano, o Novo Banco distinguiu-se enquanto entidade cuja margem mais cresceu. Já o Totta e a CGD registaram uma descida.

Rita Atalaia ritaatalaia@negocios.pt 21 de Maio de 2019 às 08:00
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

Os principais bancos nacionais conseguiram, na sua maioria, aumentar os lucros no arranque do ano, quando comparados com o mesmo período do ano passado. Uma melhoria alcançada sem apoio de efeitos extraordinários, como a vendas de imóveis ou de participações. Foram, contudo, as exceções que levaram o setor, como um todo, a sofrer uma descida dos resultados ao longo deste período. Foi o caso do BPI, que registou uma quebra dos lucros,

...

Negócios Premium
Conteúdo exclusivo para assinantes
Já é assinante? Inicie a sessão
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone
  • Conteúdos exclusivos com melhor da informação económica nacional e internacional;
  • Acesso sem limites, até três dispositivos diferentes, a todos os conteúdos do site e app Negócios, sem publicidade intrusiva;
  • Newsletters exclusivas;
  • Versão ePaper, do jornal no dia anterior;
  • Acesso privilegiado a eventos do Negócios;
Ver comentários
Saber mais banca resultados CGD Novo Banco BCP Santander Totta BPI
Mais notícias Negócios Premium
+ Negócios Premium
Capa do Jornal
Informação de qualidade tem valor. Invista. Assine já 1mês / 1€
Mais lidas
Outras Notícias