Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Decisões na dívida do Novo Banco devem ser a excepção

Estão agendadas para esta sexta-feira as assembleias-gerais para decidir o carácter compulsivo da compra de dívida do Novo Banco. Maioria das reuniões deve ser suspensa até dia 29.

David Martins/Correio da Manhã
Maria João Gago mjgago@negocios.pt 07 de Setembro de 2017 às 22:13
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

Os obrigacionistas do Novo Banco são chamados a decidir esta sexta-feira sobre o carácter compulsivo da oferta de aquisição de dívida que a instituição liderada por António Ramalho tem em curso. No entanto, entre as 36 assembleias-gerais (AG) agendadas, a esmagadora maioria, se não a totalidade, deverá ser suspensa até 29 de Setembro, dia previsto para a realização das reuniões em segunda convocató

...

Negócios Premium
Conteúdo exclusivo para assinantes
Já é assinante? Inicie a sessão
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone
  • Conteúdos exclusivos com melhor da informação económica nacional e internacional;
  • Acesso sem limites, até três dispositivos diferentes, a todos os conteúdos do site e app Negócios, sem publicidade intrusiva;
  • Newsletters exclusivas;
  • Versão ePaper, do jornal no dia anterior;
  • Acesso privilegiado a eventos do Negócios;
Ver comentários
Saber mais Novo Banco António Ramalho obrigacionistas compra de dívida
Mais notícias Negócios Premium
+ Negócios Premium
Capa do Jornal
Informação de qualidade tem valor. Invista. Assine já 1mês / 1€
Mais lidas
Outras Notícias