Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Emigrantes financiaram GES através de veículos suspeitos

Até 2013, aplicações de clientes não residentes do BES serviam para financiar ESI e outras empresas do Grupo Espírito Santo. Em 2014, veículos suspeitos passaram a ter sobretudo dívida do BES. Esta mudança deve ajudar no reembolso dos clientes.

Miguel Baltazar/Negócios
Maria João Gago mjgago@negocios.pt 29 de Janeiro de 2015 às 00:01
  • Partilhar artigo
  • 5
  • ...

Emigrantes que eram clientes do Banco Espírito Santo financiaram empresas do Grupo Espírito Santo durante mais de uma década, através de veículos criados pelo Crédit Suisse. Estas sociedades, com sede na Ilha de Jersey, acabaram por ser usadas já em 2014 para investir em dívida do BES, levando os clientes não residentes do banco a participarem num esquema de auto-financiamento do banco que o supervisor classificou de "fraudulento".

...

Ver comentários
Saber mais Veículos BES GES Poupança Plus Top Renda Euroaforro Novo Banco
Mais notícias Negócios Premium
+ Negócios Premium
Outras Notícias