Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

EUA querem impor multa de 10 mil milhões de dólares ao Citigroup

A justiça norte-americana está a processar vários bancos norte-americanos devido às más práticas antes da crise financeira de 2008 com a negociação de títulos de dívida. A multa ao Citigroup pode ascender a 10 mil milhões de dólares.

A carregar o vídeo ...
DOJ Seeks More Than $10B to Settle Citigroup Probe
Negócios 13 de Junho de 2014 às 16:18
  • Partilhar artigo
  • 9
  • ...

O Departamento de Justiça dos Estados Unidos pretende avançar com um processo contra o Citigroup, no valor de 10 mil milhões de dólares (7,4 mil milhões de euros).

 

A notícia está a ser avançada pela Bloomberg, que dá conta que as negociações entre a justiça e o banco foram suspensas a 9 de Junho, dado que o Citigroup aceitou pagar apenas 4 mil milhões de dólares (2,9 mil milhões de dólares) para que fosse selado um acordo e a investigação cancelada.

 

O Departamento de Justiça não aceitou este valor e vai agora avançar com um processo judicial, já na próxima semana, onde reclama o pagamento de uma multa de 10 mil milhões de dólares (7,4 mil milhões de euros).

 

São pelo menos oito os bancos que estão a ser investigados pelas autoridades norte-americanas, com vista a apurar se estes enganaram os investidores quando, antes da crise financeira de 2008, lhes venderam títulos de dívida indexados a crédito habitação.

 

Entre os grandes bancos norte-americanos, o JPMorgan foi o único que chegou a acordo com o Departamento de Justiça, aceitando pagar 13 mil milhões de dólares (9,6 mil milhões de euros). Ao Bank of America as autoridades norte-americanas ameaçam também com um processo no valor de 17 mil milhões de dólares. 

 

Quanto ao francês BNP Paribas, o Departamento de Justiça também ameaça com uma multa de 10 mil milhões de dólares, mas o caso não está relacionada com a crise financeira, mas antes com alegadas transacções do banco com países alvo de sanções por parte dos Estados Unidos, nomeadamente Sudão, Irão e Cuba. 

Ver comentários
Saber mais Departamento de Justiça dos Estados Unidos Citigroup
Outras Notícias