Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Fernando Ulrich recomenda dieta: "10 anos sem betão"

Tendo em conta que haverá "pouco dinheiro nos próximos 10 anos e muito pouco nos próximos três anos", as verbas existentes devem ser canalizadas para "o essencial: tornar o País mais competitivo".

Isabel Aveiro ia@negocios.pt 28 de Outubro de 2010 às 00:01
  • Partilhar artigo
  • 20
  • ...
Fernando Ulrich, autor do diagnóstico, explica também a receita para lá chegar: "dizer que o betão acabou durante os próximos 10 anos". Ou seja, defendeu ontem o presidente executivo do Banco BPI, durante a próxima década Portugal deveria suspender os investimentos em novas auto-estradas, aeroportos e TGV.

Com esta medida, o País que está há "20 anos a gastar dinheiro a mais e a fazer de rico, que não somos", poderá realocar as escassas verbas que ainda tenha para melhorar a educação. Não em novos edifícios, mas em, por exemplo "trazer professores bons de lá de fora" ou garantir mais bolsas para investigação.














logo_empresas

Ver comentários
Outras Notícias