Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Fim da blindagem no BPI sob ameaça de guerra jurídica

O fim do limite de votos no BPI será votado duas vezes na AG desta sexta-feira, devendo dar lugar a resultados opostos. Este desfecho ameaça abrir uma guerra jurídica no banco. Tiago Violas Ferreira espera que se mantenha o limite de votos e que o banco saia "reforçado".

Paulo Duarte/Negócios
Maria João Gago mjgago@negocios.pt 22 de Julho de 2016 às 00:01
  • Partilhar artigo
  • 3
  • ...

Os accionistas do BPI votam esta sexta-feira duas propostas sobre o fim do limite de votos, cujos resultados podem ser contraditórios e, por isso, ameaçam abrir uma guerra jurídica na instituição. Um risco que não é alheio ao facto de nesta assembleia-geral (AG) estar também em jogo o desfecho da oferta pública de aquisição (OPA) do CaixaBank sobre o BPI.

"A nossa expectativa é que o banco saia reforç

...

Ver comentários
Saber mais BPI Holding Violas Ferreira Tiago Violas Ferreira CaixaBank Allianz Isabel dos Santos
Mais notícias Negócios Premium
+ Negócios Premium
Outras Notícias