Banca & Finanças Generali transforma sucursal em Portugal em seguradora portuguesa

Generali transforma sucursal em Portugal em seguradora portuguesa

A seguradora Generali passou a actuar em Portugal através de uma companhia de direito local para o ramo não vida, em vez da sucursal através da qual operava desde 1942. O grupo italiano justifica esta mudança com o reforço da “sua presença em Portugal”.
Generali transforma sucursal em Portugal em seguradora portuguesa
Bruno Simão/Negócios
Negócios 08 de janeiro de 2015 às 17:30

Desde 1 de Janeiro que a Generali, grupo segurador italiano, passou a operar em Portugal através de uma companhia de seguros do ramo não vida de direito português. Uma alteração que, segundo a instituição "dá mais força à sua presença em Portugal" e "demonstra o interesse do grupo no País".

 

Em comunicado, o presidente executivo da companhia portuguesa, Santi Cianci (na foto), garante que a Generali "irá reforçar as parcerias [com agentes e correctores] com o objectivo de aumentar a sua presença em Portugal através de um crescimento sólido, sustentável e rentável".

 

A transferência da carteira de seguros da sucursal para a nova seguradora já foi aprovada pelos reguladores português e italiano. Além desta nova companhia, o grupo italiano já operava no ramo não vida através de uma empresa de direito português, a Generali Vida.

 

No conjunto, a operação portuguesa do grupo Generali apresenta uma facturação de 200 milhões de euros, o que corresponde a uma quota de mercado de 3,5%. Dois terços da actividade é da responsabilidade do ramo não vida que agora fica sob a gestão da nova seguradora.




Marketing Automation certified by E-GOI