Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Horta Osório: Novo Banco comprado por um chinês? "Não devemos ter 'parti pris' contra capital estrangeiro"

O presidente do Lloyds não vê qualquer problema na possibilidade de o Novo Banco vir a ser comprado por um grupo chinês. "O capital externo é bem-vindo", defendeu. Para Horta Osório, o problema está na defesa dos centros de decisão: "Foi uma maneira de muito poucos ganharem muito dinheiro".

Bruno Simão/Negócios
Maria João Gago mjgago@negocios.pt 17 de Abril de 2015 às 10:50
  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...

António Horta Osório não está preocupado que um grupo chinês venha a comprar o terceiro maior banco português. "Qualquer entidade que não esteja presente em Portugal e que compre o Novo Banco aumentará concorrência", sublinhou o responsável na conferência "Os Caminhos do Crescimento", organizada pelo Negócios.

 

Além disso, para o banqueiro "o capital externo é bem-vindo" na actual situação da economia portuguesa. "Não devemos ter nenhum 'parti pris' contra o capital estrangeiro", alertou, chamando a atenção para os riscos do proteccionismo.

 

Para o líder do Lloyds, o problema está na defesa dos centros de decisão nacional, opção que contesta. "Foi uma maneira de muito poucos ganharem muito dinheiro", criticou. 

Ver comentários
Saber mais António Horta Osório Novo Banco banca Lloyds
Mais lidas
Outras Notícias