Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Justificação de Salgado para comprar acções das irmãs Queiroz Pereira mostra "hipocrisia"

Queiroz Pereira foi muito duro com Ricardo Salgado na audição do inquérito ao BES. Além de dizer que lida mal com a verdade, também o acusou de ser hipócrita quando relatou que reforçou a sua posição nas sociedades que controlam a Semapa para ajudar as irmãs de Pedro Queiroz Pereira.

Bruno Simão/Negócios
Diogo Cavaleiro diogocavaleiro@negocios.pt 10 de Dezembro de 2014 às 18:36
  • Partilhar artigo
  • ...

Pedro Queiroz Pereira considerava que Ricardo Salgado, utilizando as irmãs do empresário, estava a tentar adquirir a Semapa, dona da Portucel e da Secil. Salgado recusa a ideia: estava apenas a ajudar as irmãs a vender as suas posições.

 

Na audição de 9 de Dezembro, Salgado disse que o Grupo Espírito Santo comprou as acções de Margarida Queiroz Pereira na Sodim e Cimigest, sociedades que controlam a Semapa, do Grupo Queiroz Pereira, para a ajudar. Isto em 2001. Posteriormente, em 2013, iria fazer o mesmo com Maude Queiroz Pereira, já que esta estaria com vontade de vender as suas participações.

 

"É um bocado chato dizer que estava a defender a minha irmã", declarou. "As irmãs de Ricardo Salgado ficam a fazer bolos para vender em restaurantes e nunca as defendeu", atacou. "Demonstra bem a hipocrisia", tirou.

 

"A minha irmã, estando ao lado dele, ficaria com a maioria [das sociedades e, daí, da Semapa]", atirou Queiroz Pereira na comissão parlamentar de inquérito à gestão do BES e do GES. "Aí, mantinha-me como CEO mas como empregado dele".

 

Queiroz Pereira acusa Salgado de já ter "comprado" a irmã Margarida, em 2001, que adquiriu acções da Sodim e Cimigest através de off-shores, que Salgado nunca terá dito que era o verdadeiro detentor, segundo o empresário. "Preparava-se para comprar a outra". A "outra" é Maude Queiroz Pereira, que entrou em conflito com Queiroz Pereira.

 

O empresário acusa Salgado de protagonizar uma "tomada de controlo hostil" sobre a Semapa. Algo que o antigo presidente do BES negou. 

Ver comentários
Saber mais Pedro Queiroz Pereira BES GES Ricardo Salgado Semapa
Outras Notícias