Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Luís Amado: “Proteger o Banif é proteger o dinheiro dos contribuintes”

Em entrevista ao Diário Económico e Antena 1, o presidente do Banif admite a fragilidade do sistema financeiro português e acrescenta que as fusões no sector são inevitáveis, inclusive à escala europeia.

Sofia A. Henriques/Negócios
Negócios 07 de Dezembro de 2015 às 09:38
  • Assine já 1€/1 mês
  • 34
  • ...

O presidente do Conselho de Administração do Banif defendeu, em entrevista conjunta ao Diário Económico e Antena 1, que "proteger o Banif é proteger o dinheiro dos contribuintes que nele foi aplicado".

Luís Amado recorda que o Estado é o maior accionista do Banif, após a capitalização decidida pelo Banco de Portugal e Governo em 2012. Na conversa publicada esta segunda-feira, 7 de Dezembro, Amado esclarece que já existiram conversações com o novo Governo socialista.

A análise ao actual contexto do sector é também feita por Luís Amado, que considera "inevitável" uma "consolidação" da banca à escala europeia e nacional. Daí que não exclua um cenário de fusões.

Amado destaca ainda a "fragilidade de capital que existe na economia portuguesa e a relativa subcapitalização que ainda tempos no sistema bancário. "É óbvio que vamos ter dificuldade em garantir a estabilidade do sistema tal como o conhecemos", defendeu.

O presidente do Banif abordou também a continuação da Caixa Geral de Depósitos (CGD) na esfera pública. "Na circunstância em que o país vive neste momento, é prudente manter a CGD no Estado", referiu.

Ver comentários
Saber mais Diário Económico Antena 1 Banif Luís Amado Governo Caixa Geral de Depósitos CGD economia negócios e finanças serviços financeiros banca política
Mais lidas
Outras Notícias