Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Luxemburgo detecta movimentos "suspeitos" de dinheiro no GES

A reestruturação do GES no final de 2013, os fluxos de fundos entre as empresas do grupo e o pagamento de despesas sem contrapartida são operações que levantaram alarme nos responsáveis pelas insolvências da ESI, Rioforte e ES Control.

Bruno Simão/Negócios
Diogo Cavaleiro diogocavaleiro@negocios.pt 28 de Setembro de 2015 às 00:01
  • Assine já 1€/1 mês
  • 5
  • ...
"Movimentos de dinheiro suspeitos e pagamentos de despesas por sociedades em insolvência ao GES ou a terceiros, sem contrapartida económica aparente."

Esta é uma das operações incluídas no capítulo de "investigações" do relatório dos curadores das insolvências, no Luxemburgo, das sociedades de topo do Grupo Espírito Santo. Neste capítulo é indicado que "os curadores prosseguem as investigaç...
Negócios Premium
Conteúdo exclusivo para assinantes
Já é assinante? Inicie a sessão
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone
  • Conteúdos exclusivos com melhor da informação económica nacional e internacional;
  • Acesso sem limites, até três dispositivos diferentes, a todos os conteúdos do site e app Negócios, sem publicidade intrusiva;
  • Newsletters exclusivas;
  • Versão ePaper, do jornal no dia anterior;
  • Acesso privilegiado a eventos do Negócios;
Ver comentários
Saber mais Luxemburgo Grupo Espírito Santo Rioforte ESI Espírito Santo Control
Mais notícias Negócios Premium
+ Negócios Premium
Capa do Jornal
Informação de qualidade tem valor. Invista. Assine já 1mês / 1€
Mais lidas
Outras Notícias