Banca & Finanças Mistério CGD: Quem contratou a McKinsey?

Mistério CGD: Quem contratou a McKinsey?

Nem a Caixa Geral de Depósitos nem o Estado contrataram a McKinsey para trabalhar junto de António Domingues, afirmou Mário Centeno. O ministro não sabe dizer quem fez a contratação.
Mistério CGD: Quem contratou a McKinsey?
Miguel Baltazar/Negócios
Diogo Cavaleiro 29 de julho de 2016 às 19:25

O Estado não contratou a assessoria da McKinsey para trabalhar com António Domingues na Caixa Geral de Depósitos. O banco público também não a contratou. E a resposta sobre quem o fez ainda não chegou à comissão parlamentar de inquérito.

 

"Não" e "não" foram as respostas de Mário Centeno quando questionado sobre este tema pelo deputado social-democrata Hugo Soares. "As respostas que dei foram que o Estado não contratou essa assessoria e a CGD não contratou essa assessoria", voltou a repetir o ministro das Finanças.

 

Questionado sobre quem contratou, então, a consultora que trabalha com António Domingues, de forma informal, antes da sua entrada em funções, Centeno não soube responder. "Essa é uma resposta que não lhe posso dar, não tenho informação que lhe posso negar".

 

O Económico e o Expresso noticiaram que a McKinsey e o escritório de advogados Campos Ferreira, Sá Carneiro estavam a trabalhar com Domingues para o plano de negócios e capitalização da Caixa Geral de Depósitos, informalmente. Mas continua sem saber-se quem está a pagar essa assessoria.




pub

Marketing Automation certified by E-GOI