Banca & Finanças Novo Banco põe mais de 3,5 mil milhões de euros de malparado à venda

Novo Banco põe mais de 3,5 mil milhões de euros de malparado à venda

O Novo Banco está a tentar alienar duas carteiras de crédito malparado, cujo montante supera os 3,5 mil milhões de euros, de acordo com a Bloomberg, que cita fontes próximas do processo.
Novo Banco põe mais de 3,5 mil milhões de euros de malparado à venda
David Martins 
Negócios 12 de abril de 2019 às 08:38

O Novo Banco está à procura de compradores para dois portefólios de crédito malparado, cujo montante total supera os 3,5 mil milhões de euros, segundo pessoas próximas do processo, citadas pela Bloomberg.

 

Um dos portefólios ascende a três mil milhões de euros, de dívida garantida e não garantida de empresas, o que, segundo a agência poderá corresponder a uma das vendas de malparado mais elevadas de sempre em Portugal, acrescentou uma das fontes que não quis ser identificada devido às negociações privadas.

 

A agência de informação americana contactou o Novo Banco, que recusou fazer comentários sobre as vendas em causa.

 

O Novo Banco tem vendido carteiras de malparado e de ativos não estratégicos, no âmbito do plano de restruturação. Contudo, salienta a Bloomberg, o rácio de NPL (non performing loan) é de 22,4% do total da dívida, segundo as contas de 2018. A média do sistema financeiro nacional é de 9,4%, segundo as contas do ano passado.

 

Fontes revelaram ainda à Bloomberg que o Novo Banco está à espera de receber propostas não vinculativas do portefólio de 3.000 milhões de euros, apelidado de "projeto nata 2", até 17 de abril, prevendo terminar a operação em junho, revelam as mesmas fontes. Cerberus Capital Management, KKR & Co. e Bain Capital estão entre os potenciais interessados.

 




Saber mais e Alertas
pub

Marketing Automation certified by E-GOI