Banca & Finanças Novo Banco: Stock não vai no "tour" de venda, mas está disponível

Novo Banco: Stock não vai no "tour" de venda, mas está disponível

O presidente do Novo Banco, Stock da Cunha, disse esta terça-feira que não anda em qualquer ronda internacional com investidores para vender o banco, mas garantiu que está disponível para participar em iniciativas desse género se o accionista considerar necessário.
Novo Banco: Stock não vai no "tour" de venda, mas está disponível
Miguel Baltazar
Lusa 29 de março de 2016 às 20:24

"Diz-me que ando em 'tournée' internacional, não vi nenhuma, até agora não fui a nenhuma. A não ser que entenda isso de eu ir a Londres ao fim de semana ver a família", afirmou Stock da Cunha, na Comissão Parlamentar de Trabalho e Segurança Social, em resposta a uma questão do deputado do Bloco de Esquerda José Soeiro sobre reuniões fora de Portugal com investidores para apresentar o Novo Banco, que tem de ser vendido até Agosto de 2017.

 

Segundo o presidente do Novo Banco, para já só teve reuniões com potenciais investidores na sede da instituição, em Lisboa, mas acrescentou que está disponível para participar em reuniões internacionais com vista a atrair investidores para o Novo Banco caso o accionista - o Fundo de Resolução bancário - assim o entenda.

 

"Do meu mandato faz parte participar naquilo que o accionista me peça. No momento em que o accionista decidir propor-me acompanhá-lo na eventual tarefa de ajudar a vender o banco, acompanharei. Até agora existe essa hipótese em cima da mesa mas não se concretizou", afirmou Stock da Cunha.

 

O Diário de Notícias publicou a semana passada que Stock da Cunha e o ex-secretário de Estado Sérgio Monteiro, que foi contratado pelo Banco de Portugal para vender o Novo Banco, vão estar em Nova Iorque esta quinta-feira em contactos com investidores, naquela que será a primeira reunião de um 'roadshow' internacional com investidores para venda do banco, seguindo-se Londres e Boston nos primeiros dias de Abril.

 

A Lusa contactou já a semana passada o Banco de Portugal sobre este tema, mas até ao momento não obteve resposta.




pub

Marketing Automation certified by E-GOI