Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

"Cajas" alertam que recapitalização provocará danos na economia real

As "cajas" espanholas também estão incluídas no plano de recapitalização do sector financeiro europeu, o que motivou uma nota de imprensa por parte da CECA a manifestar o seu descontentamento face à medida.

Andreia Major amajor@negocios.pt 19 de Outubro de 2011 às 15:31
A Confederação Espanhola de Cajas de Poupanças (CECA) emitiu hoje um comunicado de imprensa, onde se declara contra a recapitalização do sector financeiro de Espanha e apresenta as suas razões.

“O novo plano anunciado pela Comissão Europeia poderá dificultar o fluxo do crédito e prejudicar a capacidade de recuperação da economia real”, afirma a confederação no comunicado, citado pelo “Cinco Días”.

Quem também já tinha manifestado o seu descontentamento face à medida foi Emilio Botín, presidente do Santander, bem como Ángel Ron, CEO do Banco Popular.

As “cajas” de poupanças asseguram que “em Espanha já se realizou um plano de recapitalização parecido que está a ser proposto pela Comissão Europeia, o qual foi ordenado por um Decreto para reforçar o sistema financeiro espanhol e aprovado no início do ano”.

A CECA salienta que as “cajas” realizaram um grande esforço de saneamento, consolidação, eficiência e capitalização, acrescentando que os esforços se materializaram num ajuste de capacidade de 13%, e na entrada em bolsa do Bankia, Bankia Cívica, e Caixabank, que representam mais de 50% do sector em activos totais.

As “cajas” consideram que o plano previsto poderá pôr em perigo os avanços que se fizeram até ao momento e impedir, assim, que se aproveitem os benefícios que a reestruturação do sistema financeiro espanhol poderia gerar.
Ver comentários
Saber mais cajas bancos CECA recapitalização
Outras Notícias
Publicidade
C•Studio