Banca & Finanças Santander Totta começa a cobrar serviço MBWay a 10 de setembro

Santander Totta começa a cobrar serviço MBWay a 10 de setembro

O banco liderado por Pedro Castro e Almeida vai começar a cobrar um custo entre 46,8 e 93,6 cêntimos pelas operações realizadas através da aplicação do MBWay e do próprio banco a partir de setembro.
A carregar o vídeo ...
Rita Atalaia 01 de julho de 2019 às 16:33
O Santander Totta vai começar a cobrar comissões nas transferências MBWay a partir de 10 de setembro, de acordo com o preçário divulgado no site da instituição financeira. Os custos vão variar entre 46,8 e 93,6 cêntimos (incluindo Imposto de Selo), conforme as operações sejam realizadas através da aplicação do banco liderado por Pedro Castro e Almeida ou da aplicação do MBWay.

De acordo com o documento, ficam isentos os clientes com cartões Stream e Maestro Jovem, #U, # Global U e Mundo 123. Isto independentemente de utilizaram a aplicação do banco ou do MB Way.

Nos outros cartões haverá isenção no caso de serem realizadas no limite três transferências por mês com um montante máximo de 50 euros. Estas têm, contudo, de ser efetuadas através da aplicação do Totta.

Se o número de transferências e o montante superarem este patamar, é aplicada uma comissão de 46,8 cêntimos (incluindo Imposto de Selo) por transferência através da aplicação do banco. Já no MBWay, a comissão é sempre de 93,6 cêntimos, incluindo imposto, para os outros cartões.
Foi na apresentação de resultados para o primeiro trimestre que o presidente do Totta indicou que a entidade pretendia começar a cobrar as transações realizadas através do MBWay.

"Queremos privilegiar as transações feitas na aplicação do Santander", afirmou Pedro Castro e Almeida, acrescentando que "se for um cliente que trabalhe com o Santander e que tenha uma conta que consideramos minimamente ativa, esse cliente não vai pagar" e "poderá fazer as transferências que quiser". 

 

Já os clientes mais jovens não irão pagar quaisquer transações. "Os jovens não pagam em qualquer aplicação", notou ainda o CEO do Santander."O MBWay fez o seu papel", afirmou Pedro Castro e Almeida. "Já passou o tempo de estar sozinho a fazer este tipo de transações. Agora tem companhia."

 

O BPI, BCP e Crédito Agrícola já estão a aplicar comissões nestas operações, ainda que a maioria das instituições financeiras mantenha, para já, o serviço gratuito.




Saber mais e Alertas
pub

Marketing Automation certified by E-GOI