Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Venda dos hotéis Tivoli vai ser decidida pelos liquidatários da Rioforte

Manuel Fernando Espírito Santo, da liderança do ramo não financeiro do GES, confirmou que havia interessados nos hotéis Tivoli. Contudo, neste momento, a decisão já não é da empresa, que está em insolvência.

Bruno Simão/Negócios
Diogo Cavaleiro diogocavaleiro@negocios.pt 16 de Dezembro de 2014 às 11:01
  • Assine já 1€/1 mês
  • 2
  • ...

A venda dos hotéis Tivoli está nas mãos de quem participar na liquidação da Rioforte, confirmou esta terça-feira o presidente do conselho de administração desta última empresa.

 

"Neste momento, quem tem a decisão são os liquidatários da Rioforte", afirmou Manuel Fernando Espírito Santo na audição desta terça-feira, 16 de Dezembro, da comissão parlamentar de inquérito à gestão do BES e do GES. "Já não somos nós, infelizmente", acrescentou o responsável da família Espírito Santo que estava na liderança não executiva da Rioforte.

 

Esta é a realidade deste processo de venda, já iniciado antes do Verão mas que acabou por não se concretizar antes da Rioforte entrar em insolvência. O tribunal do comércio do Luxemburgo negou a entrada em gestão controlada desta sociedade de topo do ramo não financeiro do GES, que permitiria uma venda controlada de activos. Assim, a insolvência foi o caminho.

 

Contudo, ao contrário da Espírito Santo Saúde e da Espírito Santo Viagens, a Tivoli Hotels & Resources não foi alienada, apesar de o processo se ter iniciado no arranque do ano. "Tivemos que parar o processo. O processo só foi retomado em Outubro, Novembro. Era importante haver uma definição rápida da venda dos Tivoli". Que não chegou a tempo de se evitar o processo de liquidação.  

Ver comentários
Saber mais Tivoli Manuel Fernando Espírito Santo BES Espírito Santo turismo
Mais lidas
Outras Notícias