Comércio Farfetch compra chinesa CuriosityChina

Farfetch compra chinesa CuriosityChina

A “start up” portuguesa com o selo de “unicórnio” adquiriu a empresa chinesa CuriosityChina, uma tecnológica especialista na amplificação de marcas “premium” e de luxo através de plataformas digitais na China.
Farfetch compra chinesa CuriosityChina
Rui Neves 20 de julho de 2018 às 10:12

A Farfetch, uma plataforma online de compras de marcas de luxo, que está sediada em Londres e é uma das duas empresas-unicórnio portuguesas (designação dada às "start ups" não cotadas em bolsa e cuja avaliação ultrapassa os mil milhões de dólares), juntamente com a OutSystems, adquiriu a empresa chinesa CuriosityChina.

 

"A Farfetch, a plataforma líder global para a indústria da moda de luxo, adquiriu a CuriosityChina, uma tecnológica que foca a sua actuação na amplificação de marcas ‘premium’ e de luxo através de plataformas digitais na China", anunciou a empresa liderada por José Neves, esta sexta-feira, 20 de Julho, em comunicado.

 

A CuriosityChina, que tem uma lista de clientes de mais de 80 marcas e empresas, "oferece as melhores soluções disponíveis no mercado às marcas internacionais de topo que querem expandir para a China ou chegar a potenciais clientes chineses que estão a sair para outros mercados", realça a Farfetch.

 

Com a aquisição da CuriosityChina, "a Farfetch combina o conhecimento e investimento significativo em tecnologia, ‘e-commerce’ e operações, com as melhores práticas em Customer Relationship Management (CRM) social e marketing digital da CuriosityChina, para oferecer aos seus parceiros um novo conjunto de serviços ‘plug-and-play’ através da sua unidade de negócio Black & White", frisa  a empresa-unicórnio com ADN português.

Para a empresa presidida por José Neves, que não revelou o valor da aquisição da CuriosityChina, esta operação vai dar às marcas parceiras da Farfetch "um ponto de entrada na China através de serviços adaptados àquele mercado", enfatizando que "a força desta união remove bloqueios para uma abordagem eficaz e duradoura ao luxo digital na China".

 

"Esta aquisição assinala mais um marco importante para a Farfetch, uma melhoria excepcional da nossa presença na China, e mais um passo na nossa missão para sermos a plataforma líder global para a indústria da moda de luxo", afirma Giorgio Belloli, Chief Commercial and Sustainability Officer da Farfetch.

 

Há cerca de um ano, a empresa chinesa de comércio online JD.com investiu 397 milhões de dólares (341,4 milhões de euros) na Farfetch.



(Notícia actualizada às 10:21)




Saber mais e Alertas
pub

Marketing Automation certified by E-GOI