Comércio Maior armador sul-coreano pede protecção contra credores

Maior armador sul-coreano pede protecção contra credores

Hanjin Shipping não conseguiu assegurar os fundos de que necessitava para fazer face a uma situação complicada. A rival Hyundai Merchant está a analisar a compra de activos.
Maior armador sul-coreano pede protecção contra credores
DR
Negócios 31 de agosto de 2016 às 12:58

A Hanjin Shipping, maior companhia de navegação da Coreia do Sul, pediu protecção contra credores esta quarta-feira,31 de Agosto, depois do falhanço na angariação de fundos para fazer face à crise que assolou a empresa.


A empresa não conseguiu convencer os credores com uma proposta de reestruturação, o que acabou por deitar por terra a estratégia da companhia de navegação, que estava a tentar reagendar o pagamento das dívidas de forma voluntária desde Maio, referiu a Bloomberg.


A Hanjin é a última vítima da queda do comércio global depois da crise financeira de 2008, um problema agravado pela redução dos preços praticados. A rival Hyundai Merchant Marine está a considerar ficar com alguns activos da companhia, nomeadamente navios, a rede de operações e pessoal, segundo as autoridades do mercado da Coreia do Sul.


Mas um tribunal de Seul poderá decidir revitalizar a companhia depois de inspeccionar as suas instalações e suspender a venda de activos pela empresa pelos seus credores.


As acções da Hanjin estão a cair há quatro anos e só em 2016 já se desvalorizaram em 66%.

Apesar de ir resistindo, a Hyundai Merchant Marine também está com dificuldades de financiamento. Mas conseguiu obter ajuda financeira e é agora detida maioritariamente pelo Banco de Desenvolvimento da Coreia, uma entidade pública.


A Hanjin faz parte de um grupo com o mesmo nome, que detém ainda uma companhia aérea de mercadorias a Korean Air Lines, que emprestou dinheiro ao armador.


A empresa registou prejuízos nos últimos cinco anos e atingiu uma dívida de 4,8 mil milhões de euros no final de Junho.   


A Hanjin é a sétima maior companhia do seu sector no mundo, com uma quota de mercado de 2,9% e 132 navios.




pub

Marketing Automation certified by E-GOI