Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Portugal lidera queda das vendas a retalho na UE

Depois de três meses de subidas, as vendas a retalho em Portugal caíram 2,1% em Setembro, face a Agosto, a evolução mais negativa entre os 28 Estados membros da União Europeia.

Bruno Simão
Rita Faria afaria@negocios.pt 07 de Novembro de 2016 às 10:33
  • Assine já 1€/1 mês
  • 2
  • ...

As vendas a retalho em Portugal caíram 2,1% em Setembro face ao mês anterior, revela o Eurostat esta segunda-feira, 7 de Novembro. Esta foi a maior descida entre os países da Zona Euro e da União Europeia, onde o volume do comércio a retalho desceu 0,2%, em termos mensais.

 

Segundo os dados do gabinete estatístico da União Europeia, a queda de 0,2% na Zona Euro deve-se sobretudo à diminuição de 1% dos produtos não alimentares e de 0,3% dos combustíveis. Já a venda de alimentos, bebidas e tabaco cresceu 0,6%.

 

Entre os Estados-membros da União Europeia, as maiores descidas – além de Portugal – foram registadas na Eslovénia (-1,7%) e Alemanha (-1,4%), enquanto as subidas mais acentuadas ocorreram na Estónia (1,5%), Finlândia (1,1%) Dinamarca e Polónia (0,7%).

 

Na comparação homóloga, as vendas a retalho em Portugal cresceram 2,6%, abaixo das subidas registadas nos três meses anteriores.

 

Ainda assim, Portugal ficou acima da média da Zona Euro e da União Europeia, onde o volume do comércio a retalho avançou 1,1% e 2,2%, respectivamente, em termos homólogos.

 

Na região da moeda única e no bloco dos 28 foi a venda de produtos alimentares e combustíveis que impulsionou o índice geral.

 

As maiores subidas verificaram-se no Luxemburgo (15,2%), Roménia (9,7%) e Polónia (8,6%) e as maiores quedas na Bélgica (-3,2%), Alemanha (-0,4%) e Eslovénia (-0,1%). 

Ver comentários
Saber mais vendas a retalho comércio Zona Euro União Europeia
Outras Notícias