Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Soares do Santos quer evitar "Allgarve" e pôr Portugal a vender

O presidente da Jerónimo Martins, Alexandre Soares dos Santos, afirmou que Portugal precisa de um estudo para saber exactamente o que tem para vender. Sem esse retrato, defendeu, não é possível atacar o mercado com eficiência. Na óptica do empresário, o Estado deve ficar fora desse documento, que deverá ser entregue a um "grupo de empresas". Veja aqui o vídeo.

João Carlos Malta joaomalta@negocios.pt 12 de Janeiro de 2012 às 16:33
  • Partilhar artigo
  • 6
  • ...
"[O trabalho] deve ser feito por um grupo de empresas especializadas em estudos estratégicos, e deve apresentar conclusões ao fim de 18 meses”, defendeu Soares dos Santos, durante a conferência “Made in Portugal ”, organizada pelo DN. O patriarca da família Soares dos Santos defendeu que essa análise de fundo sobre o país precisa de ser estruturada e não se faz “através de um ‘breafing’ com uma agência de comunicação”.

O caso da marca “Allgarve” foi referida como exemplo de algo que não se deve fazer. “Temos de saber a fundo o que pretendemos”, sublinhou.

O líder da distribuidora defendeu ainda que “um país não se vende por si” e que é necessário saber o que se tem para vender e para quem. “Necessitamos de saber qual é a nossa identidade e o que temos para vender. Precisamos de um estudo”, frisou.

As apostas nos mercados externos para Soares dos Santos deve ser estratégica porque “não há dinheiro para ir para todo o lado”. “Temos de saber exactamente o que pensam os países para os quais queremos vender”, concluiu.
Ver comentários
Saber mais Soares dos Santos Jerónimo Martins Allgarve
Outras Notícias