Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Concorrência quer reforçar capacidade para investigar práticas anticoncorrenciais

A Autoridade da Concorrência (AdC) quer reforçar a sua capacidade de investigação de práticas anticoncorrenciais. E admite que possa concluir este ano cinco decisões.

Bruno Simão/Negócios
Negócios 18 de Fevereiro de 2015 às 11:21
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

Os objectivos para este ano estão traçados. António Ferreira Gomes, presidente da Autoridade da Concorrência, quer reforçar a investigação a práticas anticoncorrenciais.

 

Além de querer reforçar "a capacidade de investigação de práticas proibidas", António Ferreira Gomes admite que também quer reforçar "o sancionamento".

 

E, por isso, prevê a abertura de "pelo menos" 10 processos de inquérito e a adopção de, pelo menos, cinco decisões em processos de práticas restritivas da concorrência.

 

António Ferreira Gomes não falou de sectores em concreto.

Ver comentários
Saber mais autoridade da concorrência antónio ferreira gomes anticoncorrenciais
Mais lidas
Outras Notícias