Construção Cimpor regista prejuízos de 10,8 milhões de euros

Cimpor regista prejuízos de 10,8 milhões de euros

A cimenteira registou, no primeiro trimestre de 2014, um resultado líquido negativo de 10,8 milhões de euros, mantendo assim os resultados negativos já verificados no final do ano passado. Há um ano, a Cimpor teve lucros.
Cimpor regista prejuízos de 10,8 milhões de euros
Miguel Baltazar/Negócios
Ana Luísa Marques 21 de maio de 2014 às 17:43

A Cimpor viu os seus resultados trimestres caírem de um lucro de 47,2 milhões de euros, nos primeiros três meses de 2013, para um prejuízo de 10,8 milhões de euros, no mesmo período de 2014.

 

A empresa explica, em comunicado à Comissão de Mercado de Valores Mobiliários, que este prejuízo é explicado por diferenças de câmbio no EBITDA e por resultados financeiros negativos em 92,9 milhões de euros.

 

As vendas totais de cimento e clíquer aumentaram em 12,2% para 7.171 milhões de euros. "A evolução do volume de vendas foi positiva em todas as regiões onde o grupo está presente. Na América do Sul registou-se um aumento de 5,2% e em África de 18,9%. Por seu turno, a forte dinâmica exportadora da Cimpor a partir da sua plataforma em Portugal, registou um aumento de 43,8%, traduzindo-se num crescimento de vendas alocadas a esta geografia superior a 20%", refere o comunicado da empresa.

 

No primeiro trimestre do ano, o volume de negócios da cimenteira caiu 6,8% para 592,5 milhões de euros. Mas, excluindo o impacto cambial, o volume de negócios teria crescido 17% para 744 milhões de euros.

 

O EBITDA da empresa caiu, nos primeiros três meses de 2014, 9,7% para 133,1 milhões de euros. O EBITDA foi, igualmente, penalizado pelo efeito cambial. Sem este efeito teria ascendido a 169 milhões de euros. 




Saber mais e Alertas
pub

Marketing Automation certified by E-GOI