Construção Mota-Engil ganha primeiro contrato nos Camarões no valor de 61 milhões

Mota-Engil ganha primeiro contrato nos Camarões no valor de 61 milhões

O contrato ganho pelo construtora portuguesa inclui a reabilitação do estádio Omnisport Roundé Adja, um dos estádios onde vai decorrer o Campeonato Africano das Nações 2019, e a construção de um hotel.
Mota-Engil ganha primeiro contrato nos Camarões no valor de 61 milhões
Bruno Simão
Lusa 17 de agosto de 2017 às 16:52
A Mota-Engil ganhou o primeiro contrato nos Camarões, que passa pela reabilitação do estádio Omnisport Roundé Adja e a construção de um hotel, no valor de 61 milhões de euros, disse à Lusa fonte ligada ao negócio.

Segundo a fonte, o projecto está localizado em Garoua, o que leva a que a construtora portuguesa entre neste novo mercado, onde ganhou um contrato para reabilitar "o estádio Omnisport Roundé Adja, o estádio anexo e a construção de um hotel de quatro estrelas, no valor de 61 milhões de euros".

Trata-se de um dos estádios para o Campeonato Africano das Nações 2019, que se disputará naquele país, adiantou a mesma fonte, acrescentando que "o prazo dos trabalhos é de 15 meses".

Construído há quase 40 anos (1978), o estádio aguarda há anos reabilitação.




Saber mais e Alertas
pub

Marketing Automation certified by E-GOI