Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Outubro foi menos negativo para mercado de obras públicas

Quer nos concursos promovidos quer nos contratos de celebrados, a AICCOPN aponta sinais de recuperação em outubro.  Os concursos de obras públicas lançados registam nos primeiros dez meses do ano uma quebra de 11%, enquanto os contratos assinados recuam 40%.

O setor quer que nas obras privadas sejam aceites pedidos de prorrogação do prazo de execução sem penalizações.
Toby Melville/Reuters
Maria João Babo mbabo@negocios.pt 22 de Novembro de 2022 às 15:13
  • Partilhar artigo
  • ...

Nos primeiros dez meses deste ano foram promovidos concursos de empreitadas de obras públicas no valor de 2.947 milhões de euros, o que corresponde a uma quebra de 11% face a igual período de 2021.

No entanto, de acordo com o barómetro da Associação dos Industriais da Construção Civil e Obras Públicas (AICCOPN) divulgado esta terça-feira, o montante traduz uma recuperação face às quebras de 16%, 18% e 15% que foram registadas, respetivamente, em setembro, agosto e julho.

Também em termos de contratos de empreitadas de obras públicas celebrados e registados no Portal Base, até ao final de outubro totalizaram 1.928 milhões de euros, valor que corresponde a um recuo de 40% em termos homólogos, mas que, diz a AICCOPN, revela "quebras menores do que as divulgadas nos últimos três meses, e que foram de 43% em setembro, de 47% em agosto e de 50% em julho.
 

Segundo a associação, os contratos de empreitadas celebrados no âmbito de concursos públicos até ao final de outubro fixaram-se nos 1.508 milhões de euros, menos 37% em termos homólogos.

Já os contratos celebrados nas modalidades de ajustes diretos e consultas prévias totalizaram 329 milhões de euros até outubro, menos 40% face ao mesmo período de 2021.
Ver comentários
Saber mais construção obras públicas AICCOPN
Outras Notícias