Desporto AG do Sporting: Álvaro Sobrinho alvo de tentativa de agressão e Ricciardi insultado

AG do Sporting: Álvaro Sobrinho alvo de tentativa de agressão e Ricciardi insultado

A assembleia geral do Sporting está a ser marcada por momentos de tensão e uma forte afluência, já que se estima a presença de cerca de 50 mil sócios.
A carregar o vídeo ...
Negócios 23 de junho de 2018 às 18:48

Álvaro Sobrinho, presidente da Holdimo (um dos maiores accionistas da SAD do Sporting) foi alvo de uma tentativa de agressão na assembleia geral do Sporting, noticiaram diversos órgãos de comunicação social. 

 
Fonte próxima de Álvaro Sobrinho confirmou a Record a tentativa de agressão de que o responsável da Holdimo foi alvo, mas negou que este se tenha barricado na casa de banho.

Em declarações à TVI24, Sobrinho afirmou que houve "tentativa, não chegou a haver [agressão]. Ia para a fila votar quando isso aconteceu. Tive de sair da fila por questões de segurança, que está a ser feita de forma profissional. Acharam que não devia manter-me na fila, não havia condições. Espero votar".

"Foram poucos os que me tentaram agredir. Foi dentro do pavilhão, havia gente à espera, gente muito radical mas foram poucas pessoas. Não houve qualquer problema. Não tinha noção porque não ouvi discursos, entrei no recinto e vi que havia discursos inflamados dos mesmos, que só criticavam. Fui para exercer o meu direito de voto", referiu o presidente da Holdimo à TVI 24.

Álvaro Sobrinho deixou críticas a Bruno de Carvalho, considerando que os discursos dos últimos dias conduziram a este desfecho. "Ele é que é responsável por muito do que acontece. Não está fora das responsabilidades de alguma alteração dos sócios que tentem agredir as pessoas. É incendiário, alguém que não compreende a democracia num país democrático."

Segundo o Record, a polícia interveio de pronto perante aquele foco de conflito e sanou a situação, depois deste ter entrado na AG acompanhado por dois seguranças.

A subcomissário da Polícia de Segurança Pública (PSP) Ana Carvalho disse aos jornalistas que a situação foi "prontamente resolvida" e que "não passou de uma tentativa" de agressão.

A PSP informou que levou Álvaro Sobrinho "para uma zona segura" e que não houve "qualquer situação de detenção, só houve tumulto", sendo também "o único registo confirmado no interior".

Ana Carvalho assegurou que "para já não estão pensadas medidas de segurança adicionais" e que a polícia será chamada a intervir no interior do Altice Arena mediante indicação do presidente da Mesa de Assembleia Geral, Jaime Marta Soares.

 

Antes de entrar na AG, Sobrinho já tinha avançado com fortes críticas a Bruno de Carvalho. "Ele é incendiário, é uma pessoa que não consegue perceber o que é a democracia num país democrático e que as incitações de violência causam problemas destes", afirmou Sobrinho à saída, aos jornalistas, referindo-se a Bruno de Carvalho. "Esse senhor já não conta nada para o Sporting, temos é de pensar no futuro do Sporting. O futuro na minha perspetiva não passa por ele", apontou ainda.

 

José Maria Ricciardi, banqueiro, também foi insultado por alguns sócios dentro da Altice Arena, enquanto esperava na fila, refere a Sábado. José Eduardo, ex-jogador do Sporting, também foi alvo de críticas. Aos jornalistas, José Eduardo afirmou que "há um ambiente tenso mas muito pacífico". 

 

Segundo sócios presentes na votação, os apoiantes de Bruno de Carvalho estão muito ruidosos.

 

O antigo guarda-redes do Sporting Rui Patrício foi assobiado durante a assembleia-geral do Sporting, a decorrer este sábado no Altice Arena. Tudo terá acontecido quando um dos sócios que interveio na sessão referiu o nome do internacional português, ao falar sobre a gestão de Bruno de Carvalho.

Ambos são opositores de Bruno de Carvalho, que hoje verá decidido o seu afastamento ou não do Sporting. Será votada a sua destituição, nesta AG convocada pela Mesa da Assembleia Geral. 

 

As urnas só fecham às 20:00 e a contagem dos votos será manual, pelo que os resultados não serão conhecidos tão cedo.




pub

Marketing Automation certified by E-GOI