Desporto Jorge Jesus: "O futebol foi cruel para o Sporting. Eu crio e os outros copiam"

Jorge Jesus: "O futebol foi cruel para o Sporting. Eu crio e os outros copiam"

O treinador do Sporting diz que o Sporting foi a melhor equipa do campeonato e que os adeptos mereciam que o Sporting "tivesse uma pontinha de sorte".
A carregar o vídeo ...
Negócios com Lusa 15 de maio de 2016 às 23:15

"Mais uma vez o Sporting demonstrou ser a melhor equipa do campeonato, mas nem sempre os melhores saem como primeiros classificados. Durante 16 ou 17 jornadas, o Sporting foi primeiro e, nestas últimas jornadas, tentou recuperar o lugar que perdeu", afirmou Jorge Jesus no final do jogo com o Sporting de Braga, que venceu por 4-0.

 

Numa conferência de imprensa onde recusou dar aos parabéns a Rui Vitória pelo título conquistado pelo Benfica, Jesus afirmou que "vemos a equipa do Sporting e do Benfica a jogar, deixámos muita coisa que os outros vão buscar, a nossa criatividade, eu crio e os outros copiam".

 

Questionado sobre se gostaria de retratar-se sobre troca de palavras com Rui Vitória, o treinador do Sporting respondeu que "tem de fazer essa pergunta ao treinador do Benfica. Tenho de me retratar de quê?".

 

"O que fizemos no Sporting é que é, para mim, importante. No Benfica fui o treinador mais vencedor, com 11 títulos em seis anos, isso é que vai ficar para a história, o resto é normal, saí para um clube rival e é normal que as pessoas não tenham gostado", disse Jesus, acrescentando que tem mais "mais dois anos de contrato" com o clube de Alvalade.

 

Jesus afirmou que no Sporting não estão frustrados com época, mas sim "tristes face ao que jogámos e como liderámos o campeonato".

 

"Parece fácil chegar a um clube e fazer o que se fez, mas não é para todos. Estou triste, os adeptos também, mas também orgulhosos pelo campeonato que a sua equipa fez e satisfeitos pelo nosso trabalho".

 

"Faço um balanço muito positivo [do campeonato], chegar a um clube e, em dez meses, transformar tudo, em termos de futebol, porque o resto tem sido o presidente. Estou muito satisfeito com o que a equipa fez, triste porque não fomos os primeiros. Merecíamos, era a cereja em cima do bolo, mas disputámos o título até ao último segundo, coisa que o Sporting não fazia normalmente porque estava muito longe dos dois crónicos vencedores. Este é o caminho mais próximo para saíres vencedor", afirmou.

 

Acrescentou que os adeptos mereciam que "o Sporting tivesse uma pontinha de sorte, porque também se ganha com sorte e azar. O futebol foi cruel para o Sporting, bastava outro resultado em Guimarães ou contra o nosso rival [Benfica], só num deles, mas o que conta para a história é que o Sporting foi vice-campeão, jogou muito, mas quem foi campeão foi o Benfica".

 

"O Benfica fez 88 pontos e o Sporting fez 86, as duas equipas fizeram campeonatos muito bons, não digo que o Sporting perdeu só porque teve azar, o futebol é isto, sorte e azar", concluiu.

Paulo Calado Duarte Roriz Duarte Roriz Paulo Calado Paulo Calado Paulo Calado Paulo Calado Paulo Calado Paulo Calado Paulo Calado Paulo Calado Paulo Calado Pedro Ferreira Pedro Ferreira Paulo Calado Miguel Barreira Pedro Catarino Rui Miguel Pedrosa Paulo Calado Sérgio Lemos Duarte Roriz Sérgio Lemos Duarte Roriz Duarte Roriz Duarte Roriz Duarte Roriz Pedro Catarino Pedro Catarino Pedro Catarino Pedro Catarino Pedro Catarino

 




pub

Marketing Automation certified by E-GOI