Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Óscar Cardozo é o mais "caro" da Liga portuguesa

O avançado paraguaio Óscar Cardozo, do Benfica, é o jogador mais caro no actual mercado de transferências de entre um leque de 13 jogadores do campeonato nacional, analisados pelo grupo Frontier Economics a pedido da Agência Lusa.

Negócios com Lusa 18 de Junho de 2009 às 10:44
  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...
O avançado paraguaio Óscar Cardozo, do Benfica, é o jogador mais caro no actual mercado de transferências de entre um leque de 13 jogadores do campeonato nacional, analisados pelo grupo Frontier Economics a pedido da Agência Lusa.

O estudo da Frontier Economics, realizado pelo gabinete da consultora em Madrid, utilizou um complexo modelo estatístico centrado em técnicas econométricas para determinar o valor dos maiores futebolistas do Mundo.

A pedido da Lusa, a consultora analisou um conjunto de jogadores mais destacados da Liga portuguesa, considerando que Óscar Cardozo tem um valor de 22 milhões de euros no actual mercado das transferências.

Bruno Alves, do FC Porto, é o segundo em termos de valor (18 milhões de euros), seguindo-se o também portista Lucho Gonzalez e o sportinguista João Moutinho, ambos com um valor idêntico de 17 milhões de euros.

De acordo com o estudo, o argentino Lisandro Lopez e o brasileiro Hulk, ambos do FC Porto, valem 16 milhões de euros, o mesmo valor que tem o jovem internacional "albi celeste" Angel De Maria (Benfica).

O último da lista analisada é o avançado brasileiro Liedson, do Sporting, apenas avaliado em cinco milhões euros, metade do que "vale" o seu compatriota Nené, melhor marcador da Liga 2008/2009, ao serviço do Nacional.

Apesar de admitir a dificuldade em calcular a "qualidade" de um jogador, a Frontier usou dados "objectivos", como valores das transferências nas últimas temporadas, golos marcados, remates certeiros, minutos jogados, chamadas à selecção, nomeações para a "Bola de Ouro" do "France Football" e títulos ganhos.

A idade dos jogadores é igualmente importante e a experiência também conta, já que isso permite evitar comprar futebolistas que tenham sofrido "a maldição do êxito" e conseguido uma temporada "irrepetível".

Daí que neste modelo sejam usadas médias de actuação dos jogadores ao longo de várias temporadas.

Também conta a dimensão da equipa que contrata, já que as maiores equipas têm mais capacidade de pagar que as mais pequenas e podem chegar a pagar pelo mesmo jogador quase três vezes mais que uma equipa pequena.

O modelo desenhado pela Frontier permite, por exemplo, saber que o valor de um jogador sobe 3,18% por cada 90 minutos jogados e que aumenta 1,33% por cada convocatória à selecção.

Os golos marcados, apenas são relevantes no caso dos avançados - aumentam o seu valor em 3,4% -, enquanto os sofridos são relevantes no caso dos defesas - o valor cai 0,5%. No caso dos guarda-redes, cada golo sofrido representa menos 4,4% no seu valor.

"Ranking" da Frontier Economics, segundo uma lista de 13 jogadores analisados a pedido da Lusa:

1. Óscar Cardozo (Benfica) 22ME

2. Bruno Alves (FC Porto) 18ME

3. Lucho Gonzalez (FC Porto)17ME

4. João Moutinho (Sporting) 17ME

5. Lisandro Lopez (FC Porto) 16ME

6. Di Maria (Benfica) 16ME

7. Hulk (FC Porto) 16ME

8. Luisão (Benfica) 15ME

9. Raul Meireles (FC Porto) 11ME

10. Cristian Rodriguez (FC Porto) 10ME

11. Miguel Veloso (Sporting) 10ME

12. Nené (Nacional) 10ME

13. Liedson (Sporting) 5ME



Ver comentários
Outras Notícias