Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Prejuízo do Sporting cresce para mais de 30 milhões em 2011

Os prejuízos do clube de Alvalade aumentaram para mais de seis vezes os do ano anterior, com os custos operacionais a aumentarem e as receitas de venda de jogadores a caírem.

Hugo Paula hugopaula@negocios.pt 31 de Maio de 2012 às 18:52
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
As receitas de bilheteira, maiores direitos televisivos e a receita de participação nas competições europeias ainda permitiram que o Sporting Club de Portugal aumentasse as receitas operacionais que excluem o efeito da venda de jogadores.

No entanto, o aumento dos custos operacionais não compensaram esta evolução. As receitas que excluem as vendas de jogadores cresceram 11,2% para 29,9 milhões de euros mas os custos que excluem a compra de jogadores aumentaram 36,2% para 47,4 milhões de euros.

O Sporting ainda teve um aumento dos proveitos operacionais que excluem o efeito da venda de jogadores devido ao crescimento.

Já o saldo das transacções de jogadores manteve-se positivo mas caiu dos 18,9 milhões de euros registado no ano que terminou em Março de 2011 para 2,8 milhões de euros no ano que terminou em Março último.

O Sporting apresentou um resultado operacional de 27,4 milhões de euros, enquanto o o saldo dos resultados financeiros representou um aumento de 29% destes custos para 3,5 milhões de euros.

Ao nível do resultado líquido, a SAD do Sporting divulgou assim um aumento dos prejuízos para 30,975 milhões de euros em 2011. Este resultado compara com o prejuízo de 5,1 milhões de euros, relativo a 2010.
Ver comentários
Saber mais Sporting resultado resultados
Outras Notícias