Desporto Sporting nega negociação com fundos para injeção de 50 milhões

Sporting nega negociação com fundos para injeção de 50 milhões

O Sporting nega que esteja a negociar com fundos internacionais uma injeção de 50 milhões de euros para fazer face dificuldades financeiras.
Sporting nega negociação com fundos para injeção de 50 milhões
Pedro Catarino/Correio da Manhã
Lusa 27 de julho de 2019 às 14:59

"É totalmente falsa e infundada a informação hoje veiculada relativamente ao financiamento do Sporting junto de fundos de investimento. Em março foi levada a cabo uma operação de financiamento e neste momento continua a decorrer junto da banca a renegociação dos termos do acordo de reestruturação financeira", disse fonte oficial do clube contactada pela Lusa.

 

Segundo o jornal Correio da Manhã, o Sporting estaria a negociar este financiamento para poder enfrentar problemas de tesouraria decorrentes da não entrada na Liga dos Campeões de futebol e da possibilidade de não vender o médio Bruno Fernandes por 70 milhões de euros.

 

A fonte contactada pela Lusa diz que "é falsa a informação de que o pagamento de salários e a sustentabilidade da SAD esteja em causa".

 

Ainda de acordo com o Correio da Manhã, o alegado negócio previa que os fundos assumissem a divida bancária dos "leões", que dariam como contrapartida o direito de preferência de parte da estrutura acionista da SAD.

 

"Nunca o Sporting, com esta direção, deixará de ter a maioria acionista do capital da SAD", disse à Lusa a mesma fonte.




Saber mais e Alertas
pub

Marketing Automation certified by E-GOI