Europeu Um sete contra um 11 para fazer a prova dos nove

Um sete contra um 11 para fazer a prova dos nove

São companheiros no Real Madrid e vão ser rivais quarta-feira em Lyon. Cristiano Ronaldo e Gareth Bale estão empenhados em ficar para a história das respectivas selecções e levar os seus países à final. Um jogo entre dois países, mas também entre dois egos.
Um sete contra um 11 para fazer a prova dos nove
Celso Filipe 03 de julho de 2016 às 20:10

Cristiano Ronaldo tem o sonho de ser campeão da Europa por Portugal. A selecção nacional era apontada como uma das favoritas, mas tem feito exibições bastante criticadas e CR7 tem ficado abaixo das expectativas.

 

O País de Gales entrou no Europeu como um "outsider" e o apuramento, inédito, já era uma conquista. Contudo, a selecção tem surpreendido, com Ramsey e Bale a destacarem-se, e foi eliminando adversários.

 

Contra todas as expectativas, Portugal e o País de Gales vão defrontar-se nas meias-finais e um dois países marcará presença na final de Paris. O jogo é também um confronto entre as duas estrelas maiores do Real Madrid, Cristiano Ronaldo e Gareth Bale, o que constituirá um aliciante adicional. É também mais um tira-teimas para saber quem é, efectivamente, o melhor.

 

No início da temporada 2015/2016, o treinador do Real Madrid, Rafa Benitez quis fazer a mudança de "rei" no reino madridista. Benitez apostou claramente em Bale, número 11 nas costas, como sucessor de Cristiano Ronaldo, saiu-se mal e acabou por ser despedido em Janeiro deste ano. CR7 respondeu às dúvidas de Benitez com golos, um total de 55, sendo 34 na Liga espanhola e 16 na Liga dos Campeões, prova que o Real Madrid conquistou, derrotando na final os eternos rivais de Madrid, o Atlético.

 

Desde que chegou ao Real Madrid em 2009, CR7 tem batido recordes. Nos 348 jogos disputados marcou 364 golos, o que dá uma média superior a um golo por jogo.

Gareth Bale acabou por se manter como um dos pagens do "rei" Cristiano Ronaldo, embora muitos vejam no galês o natural sucessor do português. Mais que não seja porque no futebol a idade joga a desfavor e Ronaldo já tem 31 anos, enquanto Bale se fica pelos 26 anos. O galês chegou ao Real Madrid em 2013 e marcou 58 golos em 123 jogos. Amanhã, em Lyon, além das suas selecções,  jogarão também os egos de Ronaldo e Bale




pub

Marketing Automation certified by E-GOI