Start-ups A aventura de seis start-ups portuguesas em Seattle
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante, faça LOGIN

A aventura de seis start-ups portuguesas em Seattle

O “pitch” é curto. O CEO de uma start-up tem dois, três minutos para convencer quem o ouve a abrir-lhe uma porta para o futuro. Têm sido assim os dias das seis empresas em “road show” nos Estados Unidos, entre conselhos, perguntas difíceis e elogios.
A aventura de seis start-ups portuguesas em Seattle
Reuters
André Veríssimo 13 de outubro de 2016 às 00:01

"É muito interessante. Vamos falar de dinheiro", diz uma das "angel investors" na sala do WeWork, um moderno e "trendy" escritório partilhado em Seattle, depois de ouvir o "pitch" de Hugo Ribeiro, CEO da Magikbee, uma start-up de jogos educacionais

Conteúdo exclusivo para Assinantes Negócios Premium
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone Assinar por 1€ por 1 mês



Notícias só para Assinantes
Análise, informação independente e rigorosa..
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia.
Notícias e conteúdos exclusivos no website e aplicações móveis
Newsletter diária exclusiva para assinantes
Acesso ao epaper a partir das 23:00
Saiba mais
pub

Marketing Automation certified by E-GOI