Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Accionista do BCP supera previsões de lucros no terceiro trimestre

O Banca Intesa, maior banco italiano que controla 7,45% do capital do Banco Comercial Português, anunciou hoje que apurou um lucro de 328 milhões de euros no terceiro trimestre, acima das previsões dos analistas.

Nuno Carregueiro nc@negocios.pt 13 de Novembro de 2003 às 16:04
  • Partilhar artigo
  • ...

O Banca Intesa, maior banco italiano que controla 7,45% do capital do Banco Comercial Português, anunciou hoje que apurou um lucro de 328 milhões de euros no terceiro trimestre, acima das previsões dos analistas.

Os lucros do terceiro trimestre comparam com prejuízos de 58 milhões de euros no período homólogo do ano passado e os 246 milhões de euros que os analistas estavam à espera.

Nos primeiros nove meses deste ano os lucros totalizaram 1,04 mil milhões de euros, contra resultados líquidos de 56 milhões de euros entre Janeiro e Setembro de 2002.

O banco italiano conseguiu assim registar o quarto trimestre consecutivo de lucros, beneficiando do cortes de custos com a supressão de postos de trabalho e a venda de activos.

O CEO do banco, Corrado Passera, delineou um programa de corte de 20 mil postos de trabalho até 2005, quando assumiu a liderança do Intesa em Maio do ano passado.

As receitas bancários do Intesa somaram 2,42 mil milhões de euros no terceiro trimestre, mais 9,5%, enquanto os lucros operacionais mais que duplicaram para 621 milhões de euros.

Os custos desceram 1,4% para 1,51 mil milhões de euros, após as despesas com pessoal terem registado uma queda de 0,9%. O «cost-to-income» caiu de 69,4% em 2002 para 62,5% no final de Setembro. O banco reafirmou as estimativas para os lucros no final do ano.

As acções do Intesa, que este ano acumulam um ganho de 51%, seguiam a subir 0,4%. No final de 2002 o Intesa detinha 7,45% do capital do BCP, sendo um dos maiores accionistas do banco liderado por Jardim Gonçalves.

Ver comentários
Outras Notícias