Empresas Açoreana fica no veículo do Estado

Açoreana fica no veículo do Estado

A seguradora Açoreana, que era detida em 47% pelo Banif, vai ficar no veículo com activos do banco que passa para o Estado. Os cerca de 700 trabalhadores da companhia passam, assim, para este veículo.
Açoreana fica no veículo do Estado

A companhia de seguros Açoreana vai passar a ser propriedade do veículo que foi criado para ficar com os activos do Banif que o Santander Totta não quis comprar. Com a empresa vão os seus cerca de 700 trabalhadores, de acordo com dados do final de 2014.

 

"A Açoreana fica num outro veículo que é um banco de transição, que está na órbitra do Estado", revelou o ministro das Finanças, Mário Centeno, no final do Conselho de Ministros que aprovou a proposta de orçamento rectificativo para acomodar a necessidade de mobilizar até três mil milhões de euros para o Banif.

 

A seguradora deverá ser um dos activos que o Estado pretenderá vender para recuperar parte da ajuda pública mobilizada para o Banif. Só no veículo que vai passar para o Estado, onde fica a Açoreana e o banco de investimento do Banif, o Tesouro injectou 422 milhões de euros. O retorno que possa advir destas alienações vai permitir "a minimização deste custo" da ajuda estatal. Ao todo, o Estado colocou 2.255 milhões de euros no banco. 


Este veículo tem "uma função muito importante", segundo Centeno. "A sua gestão tem de ser feita como decorre de uma entidade com estrutura própria", disse ainda o ministro das Finanças. 

(Notícia actualizada com mais informações pelas 16h20)




pub

Marketing Automation certified by E-GOI