Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Nuno Artur Silva defende que RTP 3 e RTP Memória passem para sinal aberto

Nuno Artur Silva, administrador da RTP para a área dos conteúdos, defende que a RTP 3 e a RTP Memória devem estar em sinal aberto na TDT (televisão digital terrestre). Mas isto está nas mãos do Governo.

André Vinagre andrevinagre@negocios.pt 19 de Outubro de 2015 às 10:18
  • Assine já 1€/1 mês
  • 10
  • ...

"Não faz sentido os portugueses pagarem duas vezes por um serviço de programas da RTP", refere Nuno Artur Silva numa publicação partilhada esta segunda-feira, 19 de Outubro, na sua página de Facebook.

 

O administrador da estação pública com o pelouro dos conteúdos escreve ainda que "a RTP não pode fazer nada quanto a isso, não está na nossa mão. É uma decisão que cabe ao Governo tomar, de acordo com as entidades reguladoras, num quadro de redefinição do que deve ser a TDT e de quais os canais que nela devem ser disponibilizados em sinal aberto".

 

Nuno Artur Silva garante que está de acordo com os que se queixam de que a RTP Memória e a RTP 3 deveriam estar em sinal aberto, mas "é uma redefinição complexa que precisa de modificar um processo que se iniciou de uma maneira totalmente errada".

 

"Não será nada fácil, exige negociações com vários operadores e distribuidores e provocará alterações nos seus modos de financiamento", explica.

 

Ainda assim, Nuno Artur Silva diz que é algo que terá de acontecer "mais tarde ou mais cedo, provavelmente no quadro mais amplo das mudanças na tecnologia e no modo de ver televisão".

 

Nuno Artur Silva foi apresentado ao Governo pelo Conselho Geral Independente da RTP para a administração da estação pública em Janeiro deste ano.

Ver comentários
Saber mais RTP Nuno Artur Silva RTP 3 RTP Memória
Outras Notícias