Desporto Advogado de José Silva confirma que este recebeu bilhetes mas nega corrupção

Advogado de José Silva confirma que este recebeu bilhetes mas nega corrupção

Carlos Pinto Abreu, advogado de Paulo Gonçalves, falou aos jornalistas após terem sido conhecidas as medidas de coação
Advogado de José Silva confirma que este recebeu bilhetes mas nega corrupção
Negócios 07 de março de 2018 às 23:10
Carlos Pinto Abreu, advogado de Paulo Gonçalves, saiu do Campus de Justiça esta quarta-feira em silêncio, já depois de conhecidas as medidas de coação. Ao contrário, Paulo Gomes, advogado de José Silva, falou aos jornalistas, avamça o Record.

Questionado sobre se do processo resulta que o Benfica tenha acedido às informações referidas, Paulo Gomes respondeu: "Não me parece que isso resulte do processo". A mesma resposta serviu para a pergunta sobre se as águias iriam ser constituídas arguidas: "Face aos elementos, não me parece, honestamente, mas é a minha opinião".

Ainda sobre o Benfica, Paulo Gomes disse igualmente que não vê qualquer benefício dos encarnados: "Não me parece, como jurista. Aliás, se assim fosse, provavelmente já teria sido constituída arguida a Benfica SAD".

Relativamente ao facto de José Silva ter ficado em prisão preventiva, o advogado confirmou que o seu cliente recebeu bilhetes e uma camisola mas negou que tenha sido em troca de algum favor ilícito.

"A medida de coação foi gravosa pelo facto das funções que o meu cliente exerce, que é funcionário do Ministério da Justiça, e essa é a gravidade, não tem tanto a ver com as contrapartidas. Neste país há pessoas que recebem milhões por corrupção e andam a passear-se nesta cidade. E este senhor vai para a cadeia por receber meia dúzia de bilhetes e uma camisola. Recebeu, efectivamente. Posso dizer que não recebeu bilhetes nem camisola por contrapartida de corrupção nenhuma que lhe tivesse sido pedida".

Questionado sobre os indícios de crime de acesso ilegítimo e burla informática, Paulo Gomes afirmou: "Há acessos a este processo noutras comarcas".



A sua opinião1
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
comentar
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentários mais recentes
Bisca 08.03.2018

O Benfica nem mãos têm como poderia dar os bilhetes ?

pub