Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Anúncios de concursos públicos dispararam em ano de eleições

Num ano marcado por três atos eleitorais no país, as empreitadas lançadas pelo Estado aumentaram 67%, embora só menos de metade desse valor tenha sido efetivamente contratualizado com as empresas até novembro.

Construção obras
Bloomberg
António Larguesa alarguesa@negocios.pt 30 de Dezembro de 2019 às 11:32
  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...

Os concursos públicos de empreitadas promovidos nos 11 primeiros meses deste ano, que ficou marcado pela realização de três atos eleitorais no país, dispararam 67% face ao período homólogo, para um valor total de 3.731 milhões de euros.

 

No entanto, os dados reportados no portal Base mostram que, apesar de ter subido 26%, o montante efetivamente celebrado (1.751 milhões de euros) neste período representa menos de metade da soma que foi objeto de anúncio de abertura de procedimento.

 

No que toca ao lançamento de empreitadas, os dados divulgados esta segunda-feira, 30 de dezembro, mostram que quase um terço do valor registado até novembro diz respeito a nove concursos com preço base superior a 50 milhões de euros, quase o dobro em comparação com o ano anterior.

 

A informação compilada pela Associação dos Industriais da Construção Civil e Obras Públicas (AICCOPN) mostra ainda que, quando falta contabilizar o último mês do ano, os contratos de empreitadas celebrados em resultado de ajustes diretos e consultas prévias ascenderam a 429 milhões de euros, menos 4% face a 2018.

Os dados mais recentes publicados pelo Instituto National de Estatísticas (INE), referentes a outubro, mostram que a produção na construção teve o aumento mais baixo desde fevereiro. Por outro lado, o custo da mão-de-obra está a acelerar neste setor em 2019, valendo mesmo a subida mais expressiva desde 2006.

Ver comentários
Saber mais construção obras públicas contratação eleições política
Mais lidas
Outras Notícias