Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Apple corta preços do iPhone na China

Na loja oficial na China, os preços dos produtos da Apple sofreram uma redução de cerca de 6%.

Bloomberg
Negócios jng@negocios.pt 02 de Abril de 2019 às 10:02
  • Partilhar artigo
  • ...

A Apple reduziu os preços da maioria dos produtos na sua loja online na China em cerca de 6%. Na lista de dispositivos que viram o seu preço reduzido incluem-se iPhones, iPads, Macs e AirPods.

De acordo com o Caixin, citado pela CNBC, a medida foi uma resposta direta a uma alteração fiscal na China, que reduziu o IVA aplicado sobre os fabricantes como a Apple.

A redução também chega meses depois de a Apple ter culpado as vendas mais fracas do que o esperado na China, Taiwan e Hong Kong pela revisão em baixa das estimativas de receitas para o primeiro trimestre fiscal de 2019 em 5 a 9 mil milhões de dólares – de 89 a 93 mil milhões de dólares para 84 mil milhões de dólares.

Numa carta aos investidores, no início do ano, o CEO da Apple, Tim Cook, disse que a empresa não previu a escala da desaceleração económica da China, que foi exacerbada pelas tensões comerciais entre Washington e Pequim.

 

"Embora tenhamos antecipado alguns desafios nos principais mercados emergentes, não previmos a magnitude da desaceleração económica, particularmente na China", escreveu Cook. "Na verdade, a maior parte da diferença, ao nível das receitas, face ao nosso guidance, ocorreu na China, no iPhone, Mac e iPad".

 

A CNBC dá alguns exemplos da redução de preços: o iPhone XR, que custava 6.499 yuan, a 29 de março, teve um corte de 4,6% para 6.199 yuan. Já os modelos iPhone XS e iPhone XS Max tiveram uma redução de 500 yuan.

 

Já no início deste ano, os produtos da Apple haviam sofrido uma redução de preços em revendedores na China como a Tmall e a JD.com.

Ver comentários
Saber mais Apple China iPhone preços
Outras Notícias