Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Baidu.com afunda em bolsa com saída da Google do capital

Os títulos do motor de pesquisa da Internet mais utilizado na China, o Baidu.com, caíram mais de 6% na sessão de ontem, depois da Google ter anunciado que vendeu a sua posição de 2,6% por pretender desenvolver o seu próprio negócio no país.

Paulo Moutinho 23 de Junho de 2006 às 09:57
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

Os títulos do motor de pesquisa da Internet mais utilizado na China, o Baidu.com, caíram mais de 6% na sessão de ontem, depois da Google ter anunciado que vendeu a sua posição de 2,6% por pretender desenvolver o seu próprio negócio no país.

A Google, o maior motor de pesquisa da Internet, vendeu 749.625 acções da Baidu.com, segundo o comunicado enviado pela empresa ao regulador do mercado.

A empresa criada por Larry Page e Sergei Brin tinha adquirido esta posição de 2,6% na Baidu.com em Junho de 2004 por cerca de 5 milhões de euros, antes da empresa chinesa ter efectuado a oferta pública inicial.

Segundo a Bloomberg, tendo em conta a cotação de 80,20 dólares dos ADR da Baidu.com no Nasdaq, a Google obteve com a venda da sua posição 60,1 milhões de euros, ou seja, 55,1 milhões de dólares a mais do que o seu investimento inicial.

A saída da Google do capital da Baidu.com está relacionada com o facto da empresa norte-americana pretender desenvolver o seu próprio negócio na China, um mercado que em 2010 deverá registar mais de 232 milhões de utilizadores de Internet.

Em nota citada pela Bloomberg, o porta-voz da Google afirma que «sempre foi um objectivo nosso crescer por nossa conta na China e estamos muito concentrados nesse alvo».

Os ADR (American Depositary Receipts) da Baidu.com, o instrumento através do qual as empresas estrangeiras negoceiam no mercado norte-americano, terminaram a sessão de ontem a perder 4,98% para os 80,20 dólares.

Na oferta pública inicial (IPO), os ADR da Baidu.com quintuplicaram o seu valor, passando dos 27 dólares iniciais para os 122,54 dólares durante a primeira sessão em bolsa.

Ver comentários
Outras Notícias