Banca & Finanças BBVA supera previsões com lucros de 2,64 mil milhões

BBVA supera previsões com lucros de 2,64 mil milhões

O banco espanhol atingiu receitas recorde devido às aquisições efectuadas no ano passado. Apesar dos prejuízos no terceiro trimestre, os lucros subiram na totalidade do ano passado.
BBVA supera previsões com lucros de 2,64 mil milhões
Andrea Comas - Reuters
Negócios 03 de fevereiro de 2016 às 08:00

O BBVA obteve um resultado líquido de 2,64 mil milhões de euros em 2015, um valor que traduz um crescimento de 0,9% face ao ano anterior e que supera as previsões dos analistas, que apontavam para lucros de 2,52 mil milhões de euros.

 

Tendo em conta apenas o quarto trimestre, os lucros subiram 36% para 940 milhões de euros, com o banco espanhol a beneficiar com o aumento das receitas e a descida do crédito mal parado.

 

Excluindo os efeitos extraordinários verificados ao longo do ano com impacto nas contas, os lucros do BBVA totalizaram 3,75 mil milhões de euros, o que representa um crescimento de 43,3%. No terceiro trimestre o BBVA registou prejuízos de 1,06 mil milhões de euros, devido sobretudo às perdas que teve de contabilizar com a aquisição do CatalunyaBanc e de uma posição no turco Garanti.

 

As várias aquisições realizadas pelo BBVA permitiram ao banco espanhol atingir um volume de receitas recorde em 2015, com um crescimento de 10,9% para 23,68 mil milhões de euros. A margem financeira aumentou 8,7% para 16,42 mil milhões de euros.

 

As imparidades e provisões para crédito mal parado desceram 3,3% para 4,4 mil milhões de euros. O BBVA terminou de capital CET 1 de 10,3%.

O banco espanhol efectuou uma corte substancial da sua actividade em Portugal, tendo efectudo um despedimento colectivo e reduzido a presença física a quatro regiões (Lisboa, Porto, Braga e Coimbra) através de 12 balcões.




Saber mais e Alertas
pub

Marketing Automation certified by E-GOI