Bolsa BCP afunda 10% com direitos a pressionar

BCP afunda 10% com direitos a pressionar

Os direitos de subscrição do aumento de capital abriram bem abaixo do preço teórico, o que está a pressionar as acções. O mercado continua em desequilíbrio.
Nuno Carregueiro 19 de janeiro de 2017 às 09:56

A cotação de fecho de ontem das acções do BCP apontava para uma cotação teórica dos direitos de subscrição do aumento de capital de 1,005 euros.

 

Mas estes títulos começaram o dia bem abaixo deste preço teórico, o que está a pressionar em baixa as acções, já que o valor dos dois títulos está correlacionado.

 

No primeiro dia de negociação, os direitos abriram nos 61 cêntimos (mais de 40% abaixo do preço teórico), levando as acções a abrir em queda de 2,55% para 15,69 cêntimos. Uma cotação que representava uma situação de forte desequilíbrio e pressionou as acções do banco em baixa.

 

Menos de duas horas depois da abertura, as acções do BCP seguem a cair 9,69% para 14,54 cêntimos. E os direitos recuperaram ligeiramente, negociando nos 61,9 cêntimos (já oscilaram entre 56,5 e 70 cêntimos).

 

Apesar desta "aproximação" entre os dois títulos, o mercado permanece em forte desequilíbrio, pelo que ou as acções continuam a cair, ou os direitos recuperam valor.

 

À cotação actual das acções (14,54 cêntimos), corresponde um valor teórico dos direitos de 77,1 cêntimos. Já à cotação dos direitos (61,9 cêntimos), corresponde um valor teórico das acções de 13,53 cêntimos.

 

Quer isto dizer que os direitos estão "baratos" em relação às acções, sendo que a aquisição dos direitos permite a compra de acções a um preço equivalente de 13,53 cêntimos. 

 

A pressionar os direitos estará o facto de muitos accionistas que receberam estes títulos estarem a vender uma vez que não pretendem acompanhar o aumento de capital.

 

Os direitos vão negociar em bolsa até 30 de Janeiro, sendo que o período de exercício termina a 2 de Fevereiro. Cada direito permite a compra de 15 acções, mediante o pagamento de 9,4 cêntimos por cada uma. Aqui pode acompanhar a cotação dos direitos.  E aqui das acções.

 


Para simular a sua carteira e saber quais os valores teóricos das acções e dos direitos face aos valores a que estão a negociar em bolsa, utilize a calculadora do Negócios.

 

 




pub

Marketing Automation certified by E-GOI